PRODUÇÕES ATUAIS

Palácio do Fim (2020)

DSC_7263.jpg

Sinopse:

Baseadas em histórias reais, com direção de Carlos Ramiro Fensterseifer, Palácio do Fim, texto escrito pela renomada e premiada dramaturga canadense Judith Thompson transforma os espectadores em cúmplices de memórias e sentimentos. Uma inédita vivência onde os atores encaram o público olho no olho. Em cena, três visões diferentes sobre a guerra do Iraque: Lynndie England, a ex-combatente americana famosa por tirar fotos sorrindo ao lado de prisioneiros iraquianos em Abu Ghraib; David Kelly, o pesquisador de armas nucleares inglês que confirmou a existência de armas nucleares no Iraque, responsável pela invasão; e Nehrjas Al Saffarh, a esposa de um líder político iraquiano. Uma reflexão humanista sobre as tênues fronteiras éticas, morais e políticas que uma guerra envolve.

Duração: 90 min.

Classificação Etária: 16 anos

Ficha Técnica:

Texto: Judith Thompson
Tradução: Liane Venturella e Carlos Ramiro Fensterseifer
Direção: Carlos Ramiro Fensterseifer
Elenco: Liane Venturella e Nelson Diniz
Participação especial: Fabiane Severo e Sandra Possani
Trilha Sonora: Angelo Primon
Operação de som: Eduarda Rhoden
Técnico de som: Lee Ohn e Pedro Barcellos
Iluminação: Nara Maia
Cenário: Alexandre Navarro Moreira
Cenotécnico e Técnico de vídeo: Nelson Azevedo
Figurinos: Liane Venturella e Carlos Ramiro Fensterseifer
Adereços: Valéria Verba
Direção dos vídeos: Guilherme Carravetta de Carli
Pesquisa dos vídeos: Martina Pilau
Arte gráfica: Jessica Barbosa
Fotografias: Regina Peduzzi Protskof
Divulgação: Léo Sant’Anna
Produção: Cia Incomode-te e Primeira Fila Produções
Realização: Cia Incomode-te

O Gordo, o Magro e o Muro (2018)

Sinopse:

Os dois grandes ícones do cinema, o Gordo e o Magro, transpostos por Paul Auster para um lugar indefinido que pode ser o céu, a terra ou os Campos Elíseos, com uma tarefa definida: construir um muro com 18 pesadas pedras. O autor busca como inspiração o universo de Samuel Beckett para criar esta metáfora bem-humorada sobre a condição humana.

Duração: 45 min.

Classificação Etária: 14 anos

Ficha Técnica:

Direção: Nelson Diniz e Liane Venturella

Elenco: Carlos Ramiro Fensterseifer e Fábio Cuelli

Cenário, figurino e design gráfico: Carlos Ramiro Fensterseifer

Trilha Sonora Original: Alvaro RosaCosta

Iluminação: Nara Maia

Produção: Carlos Ramiro Fensterseifer

Fotos: Regina Peduzzi Protskof

Realização: Cia. Incomode-te

Movimentos sobre Rodas Paradas (2016)

Sinopse:

Movimentos sobre Rodas Paradas é uma peça de teatro que acontece em um estacionamento. Mais que simples elementos cenográficos, o estacionamento serve como uma espécie de palco e as cenas acontecem entre e dentro dos veículos. 

Vencedora do Prêmio FUNARTE de Teatro Myriam Muniz 2015, a montagem é encenada ao ar livre. Durante as apresentações, público e elenco irão dividir o espaço no estacionamento do Teatro de Câmara Túlio Piva, que voltará à cena cultural de Porto Alegre mesmo fechado para obras. 

Dirigida por Carlos Ramiro Fensterseifer, a peça marca a estreia do ator e diretor Nelson Diniz como dramaturgo. Cinco cenas, com personagens que retratam a vida cotidiana, inseridos em situações inusitadas, marcadas com um humor ácido. 

 

Duração: 60 min.

Classificação Etária: 16 anos

 

Ficha Técnica:

Direção: Carlos Ramiro Fensterseifer
Dramaturgia: Nelson Diniz
Elenco: Álvaro RosaCosta, Fábio Cuelli, 

Liane Venturella e Nelson Diniz.
Cena Sonora Original: Álvaro RosaCosta e Fábio Cuelli
Iluminação: Mirco Zanini
Figurinos: Rocco Rodrigo e Carlos Ramiro Fensterseifer
Ambientação e adereços: Cia InCoMoDe-Te
Design Gráfico: Simone Carneiro e Conde (Proletra)
Produção: Venturella Produções
Financiamento: Prêmio Myriam Muniz de Teatro 2015/FUNARTE
Fotos: Adriana Marchiori